Benvindos

Muito obrigado por visitar este blog.
Se gosta de pequenas aves exóticas, ou se simplesmente sente curiosidade, dê uma vista de olhos, critique, comente... a sua opinião é muito importante, talvez a mais importante de todas.
Se gostou, sorria. Se não gostou... sorria na mesma. Afinal, este mundo está louco, mas não se pode sair dele em andamento!

20/09/2012

Criação de Goulds 2

Tal como combinado, aqui fica a actualização da minha criação de goulds.
Terça-feira 18, logo pela manhã, notei que o meu trio de gouls tinha mudado de comportamento; a fêmea e um dos machos impediam o outro macho de se aproximar do ninho, de modo um bocado agressivo. Fui verificar o ninho e lá estava a razão - um ovo.
Como previsto, retirei o macho rejeitado para junto do segundo casal, formando agora um novo trio.
Verifiquei que o ninho estava construido de forma muito rudimentar. Na verdade, não passava de um monte de fio de côco num canto e um ovito a rebolar num espaço vazio. Disse que estava, porque a coisa já mudou... para pior; agora, a fibra forma uma espécie de divisória entre as duas partes do ninho.
Os ovos, que agora já são 3, lá andam espalhados pelos cantos, aparentemente sem qualquer critério.
Acresce que, o casal passa grande parte do dia no ninho, mas, à noite vão dormir no poleiro.
Parece-me que, daqui não sairão passarinhos, nem eram esperados por as aves ainda serem demasiado novas, mas está a valer pelas experiências; a minha e a deles. Na próxima, já vão fazer um ninho mais perfeitinho e cuidar melhor dos ovos.
Contudo, vou deixar que continuem a postura e tentem o choco, para que ganhem experiência.
O novo trio vai receber ninhos (desta vez ponho 2) na próxima semana. Estou curioso para saber se o processo vai ser idêntico, ou se existirão diferenças assinaláveis.
Deixo algumas fotos de hoje.
 
O casal que se formou:


O pai dos ovos, aprendiz de estofador de ninhos:


O ninho, já com 3 ovos:


O novo trio (o macho CV foi o rejeitado do primeiro trio):



O repescado com a sua nova pretendida:






2 comentários:

  1. boa noite! estou com um problema com um casal de goulds que comprei á cerca de 2 meses e tinha esperança que me pudesse ajudar se lhe for possivel. á cerca de 3 semanas a minha gould ficou bastante embolada e mais tarde reparei que não conseguia por la fiz umas massagens e o ovo acabou por sair com a casca mole, pesquisei e vi que era falta de calcio, apesar de ter osso se choco e grit sempre na gaiola comprei o calcilux, e dei-lho conforme estava na embalagem, ontem a gould voltou a ficar embolada e era novamente um ovo preso novamente com a casca mole. o que lhe posso dar para que isso não volte a acontecer? acha que é melhor não tentar criar com ela?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. boas,
      também me parece que é falta de cálcio no sangue.
      o que se aconselha neste caso é o reforço de cálcio na alimentação; o cálcio líquido é bom para acções imediatas mas, não é o ideal a prazo. experimente raspar osso de choco na papa, para reforçar o gosto da ave pelo cálcio, porque pode não estar a comer o suficiente. deve evitar que a ave crie durante uns dois meses, porque os casos de "ovo preso" podem causar processos inflamatórios ao nível do útero e da vagina (em casos raros, até da cloaca), que podem abrir caminho a infecções e dificultar a passagem dos ovos seguintes.
      se, passados estes dois meses, voltar a acontecer o mesmo caso, poderá ser um caso de hipoparatieróidismo (é uma deficiência endócrina que faz com que os níveis de cálcio no sangue se mantenham sempre baixos); nesse caso, é melhor evitar que a ave crie, até porque é uma doença hereditária (embora de gene recessivo).
      espero que tenha ajudado.
      cumprimentos,
      PS: se precisar,pode contactar-me directamente para o e-mail j.daselva@hotmail.com

      Eliminar